Sexta-feira, 29 de Maio de 2009

Umbanda 7 perguntas a cachoeira


Sete Perguntas a cachoeira!

1- Que cachoeira é essa que descansa meus olhos?
2- Que cachoeira é essa que mata minha sede?
3- Que brisa é essa que leva as gotas para a vegetação?
4- Que barulho é esse que me acalma e tranqüiliza?
5- Que aroma bom é esse?
6- Que água tão limpa é essa?
7- Quem é aquele velhinho sentado na pedra perto da cachoeira?

Temos somente a resposta da ultima pergunta:
É PAI BENEDITO DA CACHOEIRA

Bondoso velhinho sentado em uma pedra a beira da cachoeira, sua pemba em meu corpo cicatriza as chagas de meu orgulho, suas mãos cansadas tocam meu sentimento e contornam minha mente, sua sabedoria esta na compreensão dos pedidos dos irmãos, sua reza guiam meus pés aos bons caminhos, protegidos pela sua doce imantação, minhas mãos estendidas em suplicas são tão pequenas quanto as luzes refletidas de seu corpo: Os ventos sopram as lagrimas transbordadas dos seus olhos sendo recolhidas e conduzidas por Mamãe Oxum derramando-as nas águas da cachoeira, regando as flores de alfazema.
Pai Emidio de Ogum
publicado por espadadeogum às 22:34
link do post | comentar | favorito
|

Umbanda 7 perguntas a cachoeira


Sete Perguntas a cachoeira!

1- Que cachoeira é essa que descansa meus olhos?
2- Que cachoeira é essa que mata minha sede?
3- Que brisa é essa que leva as gotas para a vegetação?
4- Que barulho é esse que me acalma e tranqüiliza?
5- Que aroma bom é esse?
6- Que água tão limpa é essa?
7- Quem é aquele velhinho sentado na pedra perto da cachoeira?

Temos somente a resposta da ultima pergunta:
É PAI BENEDITO DA CACHOEIRA

Bondoso velhinho sentado em uma pedra a beira da cachoeira, sua pemba em meu corpo cicatriza as chagas de meu orgulho, suas mãos cansadas tocam meu sentimento e contornam minha mente, sua sabedoria esta na compreensão dos pedidos dos irmãos, sua reza guiam meus pés aos bons caminhos, protegidos pela sua doce imantação, minhas mãos estendidas em suplicas são tão pequenas quanto as luzes refletidas de seu corpo: Os ventos sopram as lagrimas transbordadas dos seus olhos sendo recolhidas e conduzidas por Mamãe Oxum derramando-as nas águas da cachoeira, regando as flores de alfazema.
Pai Emidio de Ogum
publicado por espadadeogum às 22:34
link do post | comentar | favorito
|

Umbanda assistência mediúnica


Assistência

Cheguei aqui mas ainda não sei eu vim, talvez uma força me trouxe a este lugar, tenho muitas duvidas e aflições, um pouco de dor talvez, tenho curiosidade? Um pouco, respostas? Peço muitas, ainda não começou mas será que voltarei? Talvez.
Olhei a minha volta e senti um cheiro estranho de ervas, um silencio profundo, quebrado as vezes pelas conversas das pessoas sentadas ao meu lado, uma imagem de Cristo com os braços abertos ao fundo seria ele quem poderia me ajudar? Poderia encontra-lo em casa nas minhas orações, ai não precisaria estar aqui, começo a pensar no assunto e agora estou entendendo, estou aqui na frente dele para pedir por algo, não tenho tempo para fazer isso em casa, percebo que estou aqui para juntos com outras pessoas declarando o amor por ele, olho a minha volta e percebo a volta muitas pessoas, o que será que elas pedem? Não posso aparecer muito procuro um cantinho bem discreto, porque outros podem achar mal sobre mim estar neste lugar, fico com receio de dizer meus problemas, pois será que eles vão entender?, será que vão conseguir responder minhas perguntas?, como vou conta-las as entidades? Será que conseguirei um emprego? Será que vou conseguir um bom relacionamento? Será que................
De repente o silencio foi rompido e o atabaque tomou o lugar do silencio, começou, pediram para todos levantarem e rezarem pedindo proteção, fiz tudo como pediram e continuei a ter duvidas sobre as respostas que encontraria, de repente vi alguns velhinhos sentados em banquinhos, alguns com um cachimbo e um terço na mão, escolhi um e fui ao seu encontro, cumprimentei e comecei a perguntar sobre todos meus problemas, de repente fui interrompido pelo tal velhinho, dizendo; que veio fazer aqui meu filho?, veio ter a resposta para tudo em sua vida?, perguntou, mas de imediato respondeu: Sua respostas estão dentro de você, não precisa procurar mais em outro lugar, você pede saúde, mas esquece da necessidades de seu corpo, você pede emprego mas esquece de sair pra procurar e quando teve não soube cuidar dele, você quer um amor, mas esquece de dar um pouco do seu, você pede compreensão, mas muito não compreende as pessoas, aqui não somos as entidades que trarão soluções pra você e sim quem orienta e regulariza suas aflições, não temos a cura mas damos a compreensão dela, preparamos nos homens a harmonia do divino, suas respostas estão juntas com as suas perguntas, basta você refletir sobre a reação ela foi inversa de uma ação cometida, causada por sua própria conduta, você somente veio aqui porque precisava de uma única resposta e achou ela: Procure em seu passado os erros que cometeu e acertara com certeza no futuro, lembre-se sempre haverá uma nova chance para os filhos do senhor, basta compreender seus ensinamentos e sua forma de ajudar seus filhos.
Hoje compreendi o significado da Umbanda e descobri que sou meu próprio condutor em minha vida, é tão simples mas as muitas perguntas que eu tinha obstruíam as suas respostas, Obrigado as entidades da Umbanda.

Autor Pai Emidio de Ogum
publicado por espadadeogum às 22:30
link do post | comentar | favorito
|

Umbanda assistência mediúnica


Assistência

Cheguei aqui mas ainda não sei eu vim, talvez uma força me trouxe a este lugar, tenho muitas duvidas e aflições, um pouco de dor talvez, tenho curiosidade? Um pouco, respostas? Peço muitas, ainda não começou mas será que voltarei? Talvez.
Olhei a minha volta e senti um cheiro estranho de ervas, um silencio profundo, quebrado as vezes pelas conversas das pessoas sentadas ao meu lado, uma imagem de Cristo com os braços abertos ao fundo seria ele quem poderia me ajudar? Poderia encontra-lo em casa nas minhas orações, ai não precisaria estar aqui, começo a pensar no assunto e agora estou entendendo, estou aqui na frente dele para pedir por algo, não tenho tempo para fazer isso em casa, percebo que estou aqui para juntos com outras pessoas declarando o amor por ele, olho a minha volta e percebo a volta muitas pessoas, o que será que elas pedem? Não posso aparecer muito procuro um cantinho bem discreto, porque outros podem achar mal sobre mim estar neste lugar, fico com receio de dizer meus problemas, pois será que eles vão entender?, será que vão conseguir responder minhas perguntas?, como vou conta-las as entidades? Será que conseguirei um emprego? Será que vou conseguir um bom relacionamento? Será que................
De repente o silencio foi rompido e o atabaque tomou o lugar do silencio, começou, pediram para todos levantarem e rezarem pedindo proteção, fiz tudo como pediram e continuei a ter duvidas sobre as respostas que encontraria, de repente vi alguns velhinhos sentados em banquinhos, alguns com um cachimbo e um terço na mão, escolhi um e fui ao seu encontro, cumprimentei e comecei a perguntar sobre todos meus problemas, de repente fui interrompido pelo tal velhinho, dizendo; que veio fazer aqui meu filho?, veio ter a resposta para tudo em sua vida?, perguntou, mas de imediato respondeu: Sua respostas estão dentro de você, não precisa procurar mais em outro lugar, você pede saúde, mas esquece da necessidades de seu corpo, você pede emprego mas esquece de sair pra procurar e quando teve não soube cuidar dele, você quer um amor, mas esquece de dar um pouco do seu, você pede compreensão, mas muito não compreende as pessoas, aqui não somos as entidades que trarão soluções pra você e sim quem orienta e regulariza suas aflições, não temos a cura mas damos a compreensão dela, preparamos nos homens a harmonia do divino, suas respostas estão juntas com as suas perguntas, basta você refletir sobre a reação ela foi inversa de uma ação cometida, causada por sua própria conduta, você somente veio aqui porque precisava de uma única resposta e achou ela: Procure em seu passado os erros que cometeu e acertara com certeza no futuro, lembre-se sempre haverá uma nova chance para os filhos do senhor, basta compreender seus ensinamentos e sua forma de ajudar seus filhos.
Hoje compreendi o significado da Umbanda e descobri que sou meu próprio condutor em minha vida, é tão simples mas as muitas perguntas que eu tinha obstruíam as suas respostas, Obrigado as entidades da Umbanda.

Autor Pai Emidio de Ogum
publicado por espadadeogum às 22:30
link do post | comentar | favorito
|

Medium da Umbanda


Perguntei - Porque Pai eu tenho que ser um Sacerdote Mediúnico?
Deus respondeu - Porque a vida é como se fosse um grande circulo, e talvez algum dia você precisará de um outro sacerdote.
Perguntei - Porque eu? Talvez não tenha tempo.
Deus respondeu - A vida, o mundo, o amor, e o tempo, fui eu quem fiz e te dei tudo isso, doe somente um pouquinho do seu tempo para mim.
Perguntei - Porque eu tenho medo de não conseguir?
Deus respondeu - Porque você ainda não teve fé o suficiente em mim.
Perguntei – Porque eu? Não conheço muito sobre as palavras do senhor!
Deus respondeu – Serás um sacerdote que aprenderas e multiplicaras os ensinamentos.
Perguntei – Não seria mais fácil alguém sem pecados ser um sacerdote?
Deus respondeu – Estes já estão ao meu lado, e já deram seu recado.
Perguntei - Porque os bons irmãos religiosos não são os escolhidos?
Deus respondeu - Porque eu já os tenho próximos a mim.
Perguntei - Porque eu, pois sei que não sou o melhor filho do senhor?
Deus respondeu - Porque você pode ser o que mais precisa estar junto a mim, assim permanecerá entre os melhores.
Agora sim meu Pai sei que fui escolhido porque o senhor está comigo.
Autor Pai Emidio de Ogum
publicado por espadadeogum às 22:28
link do post | comentar | favorito
|

Medium da Umbanda


Perguntei - Porque Pai eu tenho que ser um Sacerdote Mediúnico?
Deus respondeu - Porque a vida é como se fosse um grande circulo, e talvez algum dia você precisará de um outro sacerdote.
Perguntei - Porque eu? Talvez não tenha tempo.
Deus respondeu - A vida, o mundo, o amor, e o tempo, fui eu quem fiz e te dei tudo isso, doe somente um pouquinho do seu tempo para mim.
Perguntei - Porque eu tenho medo de não conseguir?
Deus respondeu - Porque você ainda não teve fé o suficiente em mim.
Perguntei – Porque eu? Não conheço muito sobre as palavras do senhor!
Deus respondeu – Serás um sacerdote que aprenderas e multiplicaras os ensinamentos.
Perguntei – Não seria mais fácil alguém sem pecados ser um sacerdote?
Deus respondeu – Estes já estão ao meu lado, e já deram seu recado.
Perguntei - Porque os bons irmãos religiosos não são os escolhidos?
Deus respondeu - Porque eu já os tenho próximos a mim.
Perguntei - Porque eu, pois sei que não sou o melhor filho do senhor?
Deus respondeu - Porque você pode ser o que mais precisa estar junto a mim, assim permanecerá entre os melhores.
Agora sim meu Pai sei que fui escolhido porque o senhor está comigo.
Autor Pai Emidio de Ogum
publicado por espadadeogum às 22:28
link do post | comentar | favorito
|

Umbanda a semente e os 4 elementos


A semente e os 4 elementos

A semente desprende da arvore, como um filho desprende-se do ventre da mãe, soprada pelo AR repousa na TERRA como fossem os braços do pai, faz ali a sua morada, será aquecida pelo FOGO do sol servindo como alimento para seu crescimento, é regada pela ÁGUA da chuva como fosse o éter liquido da vida, retira-se de sua armadura germina e cria raízes fincando-as na terra úmida, elementos iniciais da vida formados pela TERRA E ÁGUA cria-se a partir dali um pequeno orvalho como se fosse o surgimento do Irmão Médium passando pelos 4 ELEMENTOS, ainda necessitando destes elementos elementares a sua formação; A vida dessa semente será difícil como tantas outras que encontramos pelos caminhos; Entre as dificuldades sofrerá a inveja de outras sementes; Sofrerá também as presas dos dentes dos insetos em sua carne como fossem estas os inimigos que encontrara; Sofrerá a falta da ÁGUA nos dias de muito calor, pois pequena não consegue extrair o necessário; Sofrera a falta das outras arvores, fazendo-lhe sombra, seria os seus amigos que estariam longe na horas difíceis; Perderá parte de seus membros pela serra do lenhador, como a incerteza de sua fé ou talvez fossem a morte dos seus parentes e amigos. Com tanto sofrimento e dificuldade seu tronco continuará em pé e ficará mais rígido permanecendo em exercícios constantes com o movimento de seus galhos soprados pelo AR; Alcançara o ápice acima de outras árvores, recebendo o elemento FOGO do sol em sua plenitude; Suas folhas rígidas acolheram o elemento ÁGUA, distribuindo em seu caule a forca para sobreviver; No elemento TERRA suas raízes fortes a agarraram trazendo seu néctar precioso como alimento; Terá propriedades ao qual comprará ajeitando-se entre as outras árvores; Alimentara os pássaros como se fossem seus subordinados e ajudantes na dispersão do pólen, são vidas levados pelos pássaros em suas asas e patas; Nunca perderá a sabedoria, pois deixará frutos em forma de sementes, para o futuro; Acolhera o homem cansado em sua humilde sombra aconselhando com gratidão e refrescando seu suor.
Muitas vezes será o banquinho ou cadeira de consolo madeira retirada de parte de suas entranhas.
O Médium será sempre como a árvore lembrando-se sempre que suas mãos devem sempre estar voltadas ao céu como os galhos da arvores, para pedirem e colherem as energias essenciais a vida.
Lembre-se tudo começou com uma sementinha.

Autores: Emidio Campos
publicado por espadadeogum às 22:23
link do post | comentar | favorito
|

Umbanda a semente e os 4 elementos


A semente e os 4 elementos

A semente desprende da arvore, como um filho desprende-se do ventre da mãe, soprada pelo AR repousa na TERRA como fossem os braços do pai, faz ali a sua morada, será aquecida pelo FOGO do sol servindo como alimento para seu crescimento, é regada pela ÁGUA da chuva como fosse o éter liquido da vida, retira-se de sua armadura germina e cria raízes fincando-as na terra úmida, elementos iniciais da vida formados pela TERRA E ÁGUA cria-se a partir dali um pequeno orvalho como se fosse o surgimento do Irmão Médium passando pelos 4 ELEMENTOS, ainda necessitando destes elementos elementares a sua formação; A vida dessa semente será difícil como tantas outras que encontramos pelos caminhos; Entre as dificuldades sofrerá a inveja de outras sementes; Sofrerá também as presas dos dentes dos insetos em sua carne como fossem estas os inimigos que encontrara; Sofrerá a falta da ÁGUA nos dias de muito calor, pois pequena não consegue extrair o necessário; Sofrera a falta das outras arvores, fazendo-lhe sombra, seria os seus amigos que estariam longe na horas difíceis; Perderá parte de seus membros pela serra do lenhador, como a incerteza de sua fé ou talvez fossem a morte dos seus parentes e amigos. Com tanto sofrimento e dificuldade seu tronco continuará em pé e ficará mais rígido permanecendo em exercícios constantes com o movimento de seus galhos soprados pelo AR; Alcançara o ápice acima de outras árvores, recebendo o elemento FOGO do sol em sua plenitude; Suas folhas rígidas acolheram o elemento ÁGUA, distribuindo em seu caule a forca para sobreviver; No elemento TERRA suas raízes fortes a agarraram trazendo seu néctar precioso como alimento; Terá propriedades ao qual comprará ajeitando-se entre as outras árvores; Alimentara os pássaros como se fossem seus subordinados e ajudantes na dispersão do pólen, são vidas levados pelos pássaros em suas asas e patas; Nunca perderá a sabedoria, pois deixará frutos em forma de sementes, para o futuro; Acolhera o homem cansado em sua humilde sombra aconselhando com gratidão e refrescando seu suor.
Muitas vezes será o banquinho ou cadeira de consolo madeira retirada de parte de suas entranhas.
O Médium será sempre como a árvore lembrando-se sempre que suas mãos devem sempre estar voltadas ao céu como os galhos da arvores, para pedirem e colherem as energias essenciais a vida.
Lembre-se tudo começou com uma sementinha.

Autores: Emidio Campos
publicado por espadadeogum às 22:23
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 28 de Maio de 2009

Câncer 3º Decanato 12/07 à 21/07


Câncer 3º Decanato 12/07 à 21/07

1ª Guarda Orixá Xangô
2ª Guarda Orixá Yemanjá
3ª Guarda Orixá Ogum
publicado por espadadeogum às 20:34
link do post | comentar | favorito
|

Câncer 3º Decanato 12/07 à 21/07


Câncer 3º Decanato 12/07 à 21/07

1ª Guarda Orixá Xangô
2ª Guarda Orixá Yemanjá
3ª Guarda Orixá Ogum
publicado por espadadeogum às 20:34
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. Filhos de Ogum em 2015

. Oração para Ogum regente ...

. Simpatias para o ano novo...

. Tatuagem de caveira

. Previsões para 2015 Orixá...

. Tata Caveira

. Pai Nosso em Aramaico

. Água e a espiritualidade ...

. Oya Tempo

. Linha do Oriente na Umban...

.arquivos

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds